A Prefeitura Municipal Cajamar, por intermédio da Saúde Mental e do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) – órgãos vinculados à Secretaria Municipal de Saúde, realizaram uma série de atividades em referência a Campanha Setembro Amarelo e a Semana Municipal de Prevenção e Combate a Depressão.

O encerramento das ações promovidas pela equipe da Saúde Mental foi realizada na Câmara Municipal de Cajamar na última sexta-feira (13), e contou com a presença do prefeito Danilo Joan, do vice Moacyr Pedro, do presidente da Câmara, Saulo Rodrigues e dos vereadores Eder da Silva Domingues (Edinho Domingues), Feliciano João de Oliveira Neto (Irmão Feliciano), Izelda Gonçalves Carnaúba Cintra, José Adriano José da Conceição (Adriano Tica), Valdeci Moreira, da secretária de Saúde, Patrícia Haddad, profissionais da saúde mental, moradores e alunos da Escola Estadual Suzana Dias.

Conforme dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), estima-se que a depressão afeta mais de 300 milhões de pessoas em todo o mundo, o que a torna um grave problema de saúde, especialmente quando é de longa duração e intensidades moderadas a grave.

A palestra voltada ao tema “Ansiedade e Depressão”, contou com o apoio da equipe multidisciplinar de Saúde Mental e do CAPS. A psicóloga Cristina Calvalcante e o médico psiquiatra Gabriel Domingos de Paula, conduziram as palestras. Atentos não apenas à saúde física dos usuários, o objetivo da ação foi levar informações pertinentes sobre prevenção, tratamentos, sinais de alerta, como procurar ajuda e também maneiras para ajudar quem enfrenta ambos os tipos de transtornos.

“Saúde não se restringe apenas ao consultório médico, são diversas ações visando o bem-estar da população. Os temas depressão e ansiedade foram sugeridos pela própria comunidade, que por vezes, conhece alguém ou até mesmo convive com pessoas que passam por essas situações”, disse a psicóloga, Ana Paula Bizarria.

Para o médico psiquiatra, Gabriel Domingos de Paula, levar informações e ajuda para a população em termos de saúde mental é de extrema importância e urgência. “Vivemos tempos difíceis com essas doenças, consideradas o mal do século. É um desafio constante; contudo, buscamos levar a ajuda necessária para os que precisam”, explica. Ele acrescenta ainda que Cajamar conta com unidades do Centro de Atenção Psicossocial – CAPS, sendo especializadas em saúde mental para tratamento e reinserção social dos pacientes que apresentam transtornos mentais, contando com equipes multiprofissionais, compostas por médicos, psicólogos, psiquiatras e demais especialistas.

Lei Municipal
A Lei nº 1.765/2019, de autoria do vereador José Adriano da Conceição – Adriano Tica – sancionada pelo prefeito Danilo Joan, visa principalmente levar informações à sociedade sobre os atendimentos preventivos oferecidos pelo município, porque a maioria das pessoas não sabe que há um tratamento disponível no sistema de saúde (SUS). E a entrada do SUS é o atendimento primário à saúde realizado nos PSFs ou unidades básicas de saúde, que é uma política pública municipal.


COMENTE ABAIXO

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.