- publicidade -  

Uma ação especial da Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) apreendeu 69 veículos clandestinos de transporte coletivo intermunicipal de passageiros no fim do ano. Batizada de Operação Sacoleiro, a ação foi realizada entre 6 de novembro e 22 de dezembro para combater o transporte ilegal de passageiros para fazer compras em São Paulo. No total,  1.086 veículos foram fiscalizados.

A fiscalização ocorreu em 14 diferentes pontos das rodovias Raposo Tavares, Castelo Branco, Washington Luiz, Anhanguera, Bandeirantes e Raimundo Antunes Soares, abrangendo 12 municípios. Os 69 veículos apreendidos trafegavam sem a licença exigida para o transporte de passageiros no estado de São Paulo.

- publicidade -  

De acordo com a Artesp, há 921 empresas cadastradas para o serviço de viagens intermunicipais rodoviárias em todo o estado para fins de trabalho, lazer ou estudos. “A escolha de uma empresa que opera dentro da legalidade é fundamental para a segurança dos usuários. O serviço irregular oferece inúmeros riscos aos passageiros, uma vez que o veículo não é vistoriado para este fim, não há garantia de que o motorista seja habilitado para atuar no transporte coletivo e, em caso de acidente, não há seguro específico para os passageiros”, alerta a agência.

Entre janeiro e novembro do ano passado, a Artesp fiscalizou 18.636 veículos nas rodovias paulistas, dos quais 1.306 foram apreendidos por fazer transporte clandestino de passageiros.

Consulta

A recomendação da agência aos passageiros é que consultem os dados das empresas antes de realizar uma viagem de fretamento intermunicipal. No site da Artesp é possível saber se a empresa é regulamentada informando a placa do veículo ou o Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ).


COMENTE ABAIXO

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.

- publicidade -