O juiz da 354ª Zona Eleitoral, Dr. Jefferson Barbin Torelli rejeitou o pedido de Embargos de Declaração com Efeitos Modificativos, impetrado pela defesa da prefeita cassada de Cajamar, Paula Ribas e sua vice Dalete Oliveira. Essa é a segunda cassação do mandato da atual prefeita. O outro processo foi em novembro do ano passado, julgado pelo juiz Filipe Levada em primeira instância e que agora aguarda julgamento no TRE-SP pelos próximos dias.

Para o magistrado, não houve justificativa suficiente para alterar a decisão fundamentada em primeiro grau. Ainda segundo o juiz, os embargos apresentados pela defesa não reconheceu na sentença nenhuma omissão, dúvida, contradição obscuridade e nem ambiguidade.

- publicidade -  

“Por não ver omissão ou contradição na tão bem relatada sentença, bem assim, reconhecendo ser meramente protelatórios os argumentos dos embargantes, julgo improcedentes os Embargos de Declaração”.

Agora o processo será julgado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SP) e caso mantenham a sentença, Paula e Dalete terão que deixar os seus cargos.

A denúncia contra a prefeita foi apresentada pelo advogado José Carlos Cruz.

No processo do juiz Jefferson Torelli foram utilizados até os recursos da Polícia Federal, para buscas, apreensões e escutas telefônicas. O processo está em segredo de Justiça.

As investigações continuam na cidade de Cajamar e podem ocorrer mais cassações de mandatos.

TRE-SP

Paula Ribas vem se defendendo do primeiro processo de cassação no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), das denúncias de abuso do poder econômico e de uso da máquina pública. A Procuradoria em seu parecer manteve o pedido de manutenção de cassação do mandado de Paula e Dalete, referente ao primeiro processo em que ambas foram cassadas. Agora o processo será encaminhado para o juiz relator que julgará em segunda instância o futuro político da cidade. O julgamento deverá ocorrer nos próximos dias no plenário do TRE-SP.


COMENTE ABAIXO

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.