Elefantes, zebras, leões e girafas passearam pelo Anhembi, no último carro da escola, finalizando a passagem da Acadêmicos do Tatuapé
- publicidade -  

A escola Acadêmicos do Tatuapé foi a grande vencedora do Carnaval de São Paulo deste ano.

A agremiação foi a quarta a desfilar na sexta, primeiro dia de desfiles no Sambódromo do Anhembi, com enredo “Mãe África conta a sua história: Do berço sagrado da humanidade à abençoada terra do grande Zimbabwe”.

Reuniu 3.200 integrantes em 26 alas e 5 carros alegóricos. Como destaques, trouxe Leci Brandão e Sabrina Boing Boing.

A Acadêmicos do Tatuapé homenageou a África neste Carnaval. No desfile, uma mãe contará a história do continente como conta a história dos filhos. No início, o solo e a terra de onde surgiram os primeiros vestígios de vida. Depois, vieram as histórias dos reinos do Egito, Marrocos e Gana –bailarinos fizeram coreografias de danças típicas.

No terceiro carro, a escola homenageou todas as religiões do território africano.

As festas típicas, que influenciaram diretamente o folclore popular brasileiro, tiveram destaque no carro quatro. A alegoria, colorida e enfeitada com muitas fitas, representou festas como a congada e o maracatu. O desfecho do desfile foi uma homenagem ao Zimbábue, considerada a Terra do Ouro no continente.


COMENTE ABAIXO

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.

- publicidade -