O artista circense morreu na noite desta quinta-feira (26), durante a apresentação no Circo de Roma

Ricardo Rodrigues/eCAJAMAR – redacao@ecajamar.com.br – Atualizado às 7h15

O trapezista morto após queda fatal em circo montado em Cajamar, tinha apenas 22 anos. Juan David Rengiso Moreno (foto) era natural de Tulua, na Colombia e desde 2011 atuava em atrações circenses. Segundo informações apuradas pelo Portal eCAJAMAR, o trapezista trabalhava há pouco mais de 2 meses no Circo de Roma

Juan morreu na noite desta quinta-feira (26), durante a apresentação de espetáculo circense. Era a sua última apresentação da noite quando por volta das 21h houve a tragédia. O público presenciou a queda do trapezista que morreu após cair de uma altura de aproximadamente 8 metros.  

13260081_1758789834356061_7680058578406029317_n
Foto interna do Circo de Roma que fazia sua estréia em Cajamar, nesta quinta-feira (26). Foto: eCAJAMAR


Testemunhas que assistiam a apresentação afirmaram que o artista caiu de cabeça ao chão. No momento do acidente uma equipe do circo tentou reanimar a vítima que permanecia inconsciente. Minutos depois paramédicos do Corpo de Bombeiros da Polícia Militar chegaram até o local e fizeram os primeiros socorros.

Juan foi encaminhado em estado grave para o Hospital Municipal de Cajamar (Regional), mas morreu minutos depois de dar entrada na unidade de emergência. A polícia esteve no local para averiguar os fatos.

O corpo de Juan foi encaminhado para Franco da Rocha onde serão verificadas as causas da morte. O laudo de análise no equipamento que o trapezista estava no momento do acidente deverá ser analisado pela perícia.

Procurado pela reportagem um dos responsáveis pelo Circo de Roma, o gerente Matheus Pinheiro, não quis se pronunciar. O caso deverá ser investigado pelo 1º Distrito Policial de Cajamar.

 


COMENTE ABAIXO

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.