O caso ocorreu na Rua Coronel Macedo, Parque Paraíso, localizado no distrito do Polvilho

A polícia libertou bolivianos, inclusive crianças, que trabalhavam em viviam em situação de escravidão de uma empresa de confecção em Cajamar. O dono da casa onde as vítimas estavam foi preso suspeito de ser o explorador das famílias.

O grupo de bolivianos foi encontrado em dois galpões inacabados, com poucas janelas e grades. Segundo os investigadores, eles costuravam dia e noite entre sacos de tecido e roupa, e etiquetas de marcas conhecidas.

Todas informações nos vídeos abaixo realizado pela TV RECORD.

Veja a primeira reportagem:

 

Veja a segunda reportagem exibida no programa ‘SP no ar’


COMENTE ABAIXO

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.