No mesmo período, o número de motoristas embriagados subiu 21%

Ricardo Rodrigues/eCAJAMAR – redacao@ecajamar.com.br – WhatsApp (11) 99901-5431

O número de acidentes nas rodovias estaduais da região durante o feriado prolongado de Tiradentes aumentou em 18% neste ano se comparado ao ano de 2015. No mesmo período, o número de motoristas embriagados subiu 21%. Foram registrados 38 acidentes entre a meia-noite de quarta-feira, dia 20, e as 23h59 de domingo, dia 24. No ano passado, foram registrados 32 acidentes no mesmo período.

Os números são da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), que divulgou o balanço da Operação Tiradentes nesta segunda-feira, dia 25. Apesar do aumento no número de acidentes, a quantidade de feridos nas estradas estaduais diminuiu. No ano passado, 24 pessoas ficaram feridas em acidentes. Neste ano, foram 23 vítimas, sendo que três delas tiveram ferimentos graves e 20 sofreram ferimentos leves. Em 2015, foram sete vítimas em estado grave.

A PRE destacou que, apesar de não haver redução considerável no número de acidentes com vítimas graves, não houve neste ano, assim como no ano passado, nenhuma vítima fatal em acidentes nas rodovias estaduais da região durante o feriado prolongado. A polícia ressaltou ainda que a imprudência e a negligência dos motoristas “continua sendo fator preponderante na causa dos acidentes”.

O número de multas aplicadas pela PRE aumentou neste ano em relação a 2015. No total, foram aplicadas 1.052 multas, a maioria por ultrapassagem em local proibido, por não usar cinto de segurança e por estar com a documentação do veículo atrasada. Ao todo, 17 veículos foram recolhidos administrativamente pela polícia.

Foram realizados 399 testes do bafômetro durante os cinco dias de feriado prolongado e 57 motoristas foram autuados por embriaguez ao volante, dez a mais que no ano passado, quando 47 motoristas foram autuados por esse motivo.

A AutoBAn concessionária que administra as rodovias Anhanguera e Bandeirantes divulgou um balanço do feriado de Tiradentes nesta segunda-feira (25). Segundo a concessionária, neste período foram registrados 76 acidentes, com 51 feridos e 2 mortes.


COMENTE ABAIXO

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.